Trabalhando conceitos de neurociência na escola: saúde do cérebro e plasticidade cerebral

Karine Ramires Lima, Alexandre Garcia, Geórgia Elisa Filipin, Liane da Silva de Vargas, Pâmela Billig Mello-Carpes

Resumo


A neurociência se constitui como uma área importante para o processo educacional, tanto para o professor como para os alunos, pois está diretamente relacionada com os processos de aprendizagem. Com a ideia de divulgar a neurociência e expandir o conhecimento científico para além da universidade criou-se o programa de extensão POPNEURO. Este artigo traz o relato de ações realizadas no âmbito do programa abrangendo os temas “saúde do cérebro" e "neuroplasticidade", com a finalidade de estimular à prática de hábitos saudáveis e proporcionar uma melhor compreensão das características do cérebro humano. As ações ocorreram em quatro escolas da rede pública no município de Uruguaiana-RS, abrangendo cento e dezenove alunos e cinco professores e contaram com uma breve explanação teórica e atividades práticas que proporcionaram maior compreensão sobre a temática. As ações desenvolvidas mostraram-se satisfatórias, pois despertaram grande interesse dos estudantes e educadores, levando conhecimento científico que, por vezes, restringe-se ao meio acadêmico. Desta forma verificou-se que os objetivos das ações foram alcançados, proporcionando conscientização sobre a saúde do cérebro e promovendo a popularização da neurociência em ambiente escolar.

Palavras-chave


Neurociência. Educação. Saúde. Neuroplasticidade. Divulgação da ciência.

Texto completo:

PDF


Creative Commons License
Revista Ciência em Extensão by Pró-Reitoria de Extensão Universitária - UNESP - Brasil is licensed under a Creative Commons Atribuição 2.5 Brasil License.
Based on a work at ojs.unesp.br.
Permissions beyond the scope of this license may be available at http://ojs.unesp.br/index.php/revista_proex/about/editorialPolicies#custom0.