DOSES DE NITROGÊNIO E APLICAÇÃO FÚNGICA NA CULTURA DO TRIGO EM SISTEMA DE PLANTIO DIRETO

Marcelo Carvalho Minhoto Teixeira Filho, Salatiér Buzetti, Cássia Maria de Pauta Garcia, Marco Eustáquio de Sá, Orivaldo Arf, Alexandra Sanae Maeda

Resumo


A
aplicação de fungicida pode garantir maior resposta à adubação nitrogenada por
contornar o efeito negativo da adição de N de propiciar melhores condições para
o desenvolvimento de algumas doenças. Sendo assim, o objetivo deste trabalho
foi avaliar os efeitos de doses de nitrogênio e aplicação de fungicida em
caráter preventivo nos componentes de produção e na produtividade do trigo
irrigado, sob plantio direto, cultivado na região do cerradQ O experimento foi
realizado em Selvíria - MS, em um Latossolo Vermelho Distrófico. O delineamento
estatístico foi o de blocos ao acaso, em um esquema fatorial 4x2, com quatro
doses de N (0, 60, 120 e 180 kg ha-1), na forma de uréia em
cobertura, e com ou sem aplicação de fungicidas (tebuconazole e triciclazol) no
cultivar de trigo IAC 370, com 4 repetições. O incremento das doses de N
aumentou linearmente a altura de plantas e o número de grãos por espiga e de
espigas por metro, até a dose de 114 kg ha-1 de N. Entretanto, a
massa hectolítrica foi influenciada negativamente pelo aumento das doses de N.
A aplicação preventiva de fungicida não influenciou a produtividade de grãos e
os componentes de produção do trigo irrigado, cultivado em sistema plantio
direto no cerrado, devido a não ocorrência de doenças no experimento. A
produtividade de grãos de trigo aumentou até a dose de 120 kg ha-1
de N.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2012 Cultura Agronômica: Revista de Ciências Agronômicas

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

Cultura Agronômica
Ilha Solteira - SP
E-ISSN 2446-8355
E-mail: rca.feis@unesp.br
    
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.